Aprendendo SIG com Game of Thrones (III): Ferramentas de navegação

Quando falamos em ferramentas de navegação nos referimos àquelas que nos permitirão percorrer a cartografia e aqui estão incluídos desde os típicos zooms para aproximar e afastar a imagem (isto é, para alterar sua escala de visualização) até outras ferramentas mais elaboradas.

Neste artigo veremos estas ferramentas, detendo-nos naquelas menos conhecidas e, sem dúvida, muito úteis.

As ferramentas de navegação estão agrupadas no menu Vista, submenu Navegação, estando também disponíveis como ícones.

figura03_01

figura03_02

Não vamos entrar em detalhe no funcionamento das ferramentas básicas porque são muito intuitivas e seu uso é similar ao de outras aplicações gráficas. Por ordem de aparecimento na barra de ícones temos as ferramentas básicas de navegação: deslocamento, ícones para aproximar e afastar a área de visualização, zoom na extensão máxima que ocupa a cartografia, voltar a um enquadramento anterior, mostrar a extensão máxima dos elementos selecionados, e três ferramentas mais avançadas ou de uso menos comum: gerenciador de enquadramentos, centralizar a Vista sobre um ponto e localizador por atributo. Aprender a manejar as ferramentas básicas é tão simples como clicar em cada uma delas e interagir com a Vista, portanto não vamos comentar diretamente as outras ferramentas.

Antes de começar, abrir o último projeto salvo como resultado do exercício anterior.

A primeira coisa que faremos é adicionar duas novas camadas (revise o primeiro exercício se tiveres dúvidas): “Wall” e “Locations”.

figura03_03

Já temos o muro e localizações importantes (cidades, castelos,…) em nosso projeto.

Se clicarmos com o botão secundário do mouse sobre a camada “Wall” e selecionarmos “Zoom na camada” veremos a extensão máxima que ocupa o muro.

figura03_04

Podemos observar que a camada “Locations” alterou sua simbologia para este nível de zoom; o gvSIG permite fazer este tipo de legendas que se alteram em função da escala.

Agora vamos a utilizar a ferramenta “Localizador por atributo”, que pode ser encontrada no menu “Vista/Navegação/Localizador por atributo” ou por seu ícone correspondente.

figura03_02

Esta ferramenta permite centralizar a Vista no elemento ou elementos de uma camada que tenham um determinado atributo. Em nosso caso vamos utilizá-la para visitar algumas localizações destacadas de Game of Thrones. Ao selecionar esta ferramenta será aberta uma nova janela na qual podemos selecionar, através de menus desdobráveis, a camada, o campo e o valor que queremos localizar.

figura03_05

Podemos localizar, por exemplo “Winterfell”.

Outra ferramenta de navegação pouco conhecida e muito útil é o “Gerenciador de enquadramentos”, que permite guardar um enquadramento para uma determinada zona da Vista com o fim de voltar nela a qualquer momento.

Esta ferramenta está disponível no menu “Vista/Navegação/Gerenciador de enquadramentos“ ou em seu ícone correspondente.

figura03_06

Será aberta uma nova janela, na qual podemos dar um nome ao enquadramento que queremos salvar e, ao clicarmos em “Salvar”, o adicionará à lista de enquadramentos favoritos. Como estamos em “Winterfell”, vamos salvar este enquadramento. Agora repetimos a ação de “Zoom na camada” com a camada de “Wall” e guardamos o novo enquadramento. Podemos salvar tantos enquadramentos quanto quisermos. Se os passos foram seguidos corretamente teremos algo assim:

figura03_07

Agora cada vez que queremos voltar a um destes enquadramentos teremos apenas de clicar no botão de “Gerenciador de enquadramentos” para que apareça esta janela. Selecionar na listagem o enquadramento que queremos utilizar e clicar no botão “Selecionar”.

Com esta ferramenta acabamos este visita rápida às ferramentas de navegação. Já podemos percorrer e explorar nosso mapa de Game of Thrones.

Não se esqueça de salvar o seu projeto. Nos vemos no próximo artigo